Atividades extra-curriculares

Criança a aprender a tocar guitarra

Praticar uma actividade durante o seu tempo de lazer pode permitir à criança ampliar o seu universo, desenvolver novas destrezas, enriquecer a sua relação com outras crianças, afirmar a sua personalidade e inclusive apaixonar-se pelas coisas. A estas qualidades e competência podem unir-se também efeitos muito positivos no seu rendimento escolar.

Favorecer a sua relação com os outros

A partir dos 6 ou 7 anos, a conquista das numerosas aprendizagens escolares e a aquisição de novas competências intelectuais e físicas amplia os interesses da criança. Pode então ter vontade de iniciar-se numa actividade escolhida por ele fora da escola.

Praticar um desporto, aprender a tocar um instrumento musical, jogar xadrez, dançar, … Qualquer que seja o âmbito e a natureza da actividade esta pode contribuir para o seu crescimento, desenvolvendo a sua personalidade, o seu sentido de responsabilidade e também a sua confiança no mesmo.

Graças a esta actividade, logo utilizará essa aprendizagem na escola e na sua vida diária. E é que fazer parte de uma equipa desenvolve, por exemplo, uma grande capacidade de cooperação, de esforço, de responsabilidade, … O canto ou o teatro favorecem a sua dicção, amplia as suas formas de expressão, … A pintura aumentará a sua criatividade e o seu sentido de observação, …

Encontrar o equilíbrio justo

Se o “apetite” do teu rapaz ou rapariga é insaciável e quer inscrever-se a três ou quatro actividades diferentes, anima-o a limitar a sua escolha, porque lhe será sem dúvida difícil administrar o seu horário entre a escola, o judo, o violino, a piscina, os trajectos para ir a cada lugar, … Deves ensinar-lhe que o mais importante é ter tempo suficiente e a disponibilidade necessária para realizar a sua aprendizagem escolar e poder estudar todos os dias.

Anima-o

Para reforçar a sua motivação, é útil também apoiá-lo na sua prática. Podes ter ao mesmo tempo o papel de professor particular (ajudando-o a trabalhar o seu instrumento musical ou controlado os seus gestos na pintura) e de acompanhante (assistindo às suas partidas ou dando a tua sincera opinião sobre as suas criações). Mostrando interesse e estando presente nos seus progressos, alimentarás a sua paixão e lhe ajudarás a mantê-la. E esta perseverança será uma aprendizagem muito útil na vida.

Partilha na tua rede social:
Mais no ABC Crianças:
Aviso legal Contacto Google+ Facebook